Pensamento 41

41

Aceitemos que há coisas que não podem ser possuídas nem controladas. Pensemos no ar e na água: não se deixam agarrar nem partir em pedaços, e o seu fluxo estanca-se quando tentamos aprisioná-los.